quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Marcador (para Silvana Guimarães)

Há no livro policial
entre as páginas
noventa e oito
e noventa e nove
não uma rosa
mas uma lagartixa
outrora curiosa
que não mais se move
em sua passiva
e definitiva
pose mortal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário